Header Ads

Paola Carosella é criticada após foto de cabeça de porco assada e detona nas respostas!

"Todo bicho que se come tem cabeça"


A jurada do programa MasterChef Brasil e também chefe de cozinha renomada Paola Carosella é conhecida também por ser especialista em carnes e fazer excelentes pratos e receitas com elas.


Em uma recente postagem, a argentina compartilhou um de seus pratos, feitos com uma cabeça de porco inteira, o que chocou muito de seus seguidores, que a criticaram.

Na legenda da imagem do prato, Paola comenta “Absurdamente delicioso. Confit de cabeça de porco, pão, banha - Forno a lenha”. Logo as criticas dos seguidores começaram, as declarações dos internautas eram de estarem com nojo, ou de que a imagem era extremamente cruel e triste, por se tratar de ela estar servindo a cabeça de um animal.

As críticas então começaram por toda parte, principalmente para os que se consideram veganos e vegetarianos, mas mais ainda de carnívoros. Diversos comentários foram despejados na publicação, em um deles uma internauta que se diz vegana, declara: “Nossa, isso é algo extremamente mórbido! Ver a cabeça mutilada de um animal sendo assada? Meu Deus, quanta crueldade”.


Em resposta a um dos comentários, a chef diz: “Onde está a deselegância? Todo bicho que se come tem cabeça”. Já na legenda da foto, na qual ela editou com um pequeno texto, a jurada questiona o porquê dos seguidores não ficarem revoltados com as fotos do peixe, lula, ostras e paletas de cordeiros que haviam sido postadas anteriormente.

E em sequência, a companheira de Fogaça e Jacquin no talento show culinário da Band, diz que a foto foi para provocar e lembrar que grande parte do sucesso da indústria pecuária se deu justamente pela produção em grande escala, de afastar o consumidor da real forma do animal, também da lembrança do abate.

Paola levanta ainda a questão de que se todos aproveitassem os animais do rabo até a cabeça, com certeza comeriam menos bichos. E declara que o horror pela foto se deu justamente por conta da falta de informação e da indústria que produz excessos em péssima qualidade e ainda joga fora um terço da comida, sendo que ainda morrem de fome milhões de pessoas no mundo. Por fim ela retruca "Quer falar de horror? Vamos falar de horror de verdade então".




Absurdamente delicioso - confit de cabeça de porco- pão - banha- forno a lenha- @margotehenderson genius genius genius and so ridiculously delicious !!!!! @euanfarmer1 #arturito10anos - #simeuestouprovocandomesmo . Por quê não teve revolta na foto do peixe ou da lula ou da ostra ou das paletas de cordeiro????? A provocação foi mesmo para lembrar que em grande parte o sucesso da indústria da pecuaria e da produção em grande escala foi afastar o consumidor da forma do animal, da lembrança da morte. Se tivéssemos que matar para comer se tivessemos que comprar o bicho inteiro, aproveitáramos do pe ao rabo e comeriamos menos. O horror não está numa cabeça de porco, o horror está na falta total de informação e de conexão com a natureza e o planeta. Produzimos em excesso, mal, sem qualidade e sem respeito. Jogamos fora um terço de tudo isso, e ainda milhões de pessoas morrem de fome. Quer me falar de horror ? Vamos falar de horror de verdade então.
Uma publicação compartilhada por Paola Carosella (@paolacarosella) em


Foto: Band/Reprodução